Camara de Santana de Parnaíba

Vereadores apoiam Outubro Rosa em Santana de Parnaíba



Publicado em 17/10/2013

Na 32ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Santana de Parnaíba, realizada neste 15 de outubro, os vereadores aprovaram a Moção Nº 283 de aplausos aos organizadores do “Outubro Rosa”, campanha de conscientização, prevenção e combate ao câncer de mama. Nesta mesma sessão foi homenageada a direção do CAPS - Centro de Atenção Psicossocial Infantil, através da sua diretora Simone, com a Moção de Aplausos Nº 284 do vereador Marcos O Tonho, em reconhecimento à organização e realização da festa das crianças no último dia 12. Entrando na pauta da ordem do dia, foram votados e aprovados seis novos Projetos de Lei de autoria dos vereadores da casa, quatro deles do vereador Ângelo da Silva, o PL Nº 112/2013, que acrescenta e altera dispositivos na Lei Municipal 2153, que trata da comercialização de animais; O PL Nº 121/2013, que institui a Semana de Orientação sobre a Manobra de Heimlich*no município parnaibano; O PL 144/2013 que institui o Dia do Artesão no município e o PL Nº 155/2013, que cria o Dia do Escritor na cidade. Também foram aprovados o PL Nº 148/2013, de autoria do vereador Alemão da Banca, que dispõe sobre a denominação de próprio municipal, que dá o nome de Jaime Bezerra da Silva ao parque esportivo, em construção no Bairro Colinas da Anhanguera e por último o PL Nº 168/2013 que dispõe sobre a implantação da “Semana Municipal da Luta pela Preservação do Rio Tietê”, de autoria do vereador Zé Cardoso. O presidente da Câmara, vereador Nequinho Desanti, durante a condução dos trabalhos na sessão ordinária, saudou a todos os professores pelo seu dia, rendendo sua particular homenagem aos educadores: “Quero expressar minha mais profunda gratidão e carinho aos nossos mestres, que sempre nos ensinaram muito mais do que teorias nos preparando para a vida”, finalizou. * A Manobra de Heimlich é o melhor método pré-hospitalar de desobstrução das vias aéreas superiores por corpo estranho. Essa manobra foi descrita pela primeira vez pelo médico estadunidense Henry Heimlich em 1974 e induz uma tosse artificial, que deve expelir o objeto da traqueia da vítima. Resumidamente, uma pessoa fazendo a manobra usa as mãos para fazer pressão sobre final do diafragma. Isso comprimirá os pulmões e fará pressão sobre qualquer objeto estranho na traqueia esquerda.